⚡️ #987: O que esperar das notícias da semana (21 a 27.ago)

⚡️ #987: O que esperar das notícias da semana (21 a 27.ago)

⚡️ #987: O que esperar das notícias da semana (21 a 27.ago)

Esta curadoria do Correio Sabiá recebe atualizações para te manter bem informado/a ao longo do(s) dia(s)
Correio Sabiá lista o essencial do noticiário num só lugar / ? Namroud Gorguis/Unsplash
Correio Sabiá lista o essencial do noticiário num só lugar / ? Namroud Gorguis/Unsplash

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) faz, nesta semana, viagem à África. Começa pela África do Sul, ?? com chegada a Joanesburgo prevista para esta segunda-feira (21.ago.2023), às 10h (do horário local ou 5h do horário de Brasília). Vai participar da Reunião do Brics (grupo formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul). Depois, passa por Angola ?? e São Tomé e Príncipe. ??

  • ?️ A previsão das notícias está listada por data na Agenda da Semana do Correio Sabiá.
  • ✈️ A lista de todas as viagens do Lula ao exterior em 2023 está nesta reportagem do Correio Sabiá.

Enquanto isso, devemos ver desdobramentos de algumas das principais notícias da semana passada. Tanto o hacker Walter Delgatti quanto o tenente-coronel Mauro Cid (ex-ajudante de ordens do ex-presidente Jair Bolsonaro [PL]) ligaram Bolsonaro diretamente a crimes. Mostramos em uma de nossas curadorias de notícias.

  • Na semana passada, o advogado de Mauro Cid disse que seu cliente decidiu confessar participação num esquema de compra e recompra de jóias. Ele está preso há cerca de 3 meses por falsificar carteira de vacinação dele, da família e do ex-presidente para que permanecessem nos Estados Unidos (para onde foram antes de Bolsonaro terminar o mandato como presidente, motivo pelo qual não passou a faixa para Lula no dia da posse, em 1º de janeiro de 2023). O ministro Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal), autorizou a quebra de sigilo bancário e fiscal de todos eles.
    • Lembre-se que Cid teve um áudio pego pela PF (Polícia Federal) no qual trataria de negociações para vender jóias que Bolsonaro teria recebido da Arábia Saudita. Na mesma gravação, Cid também teria citado US$ 25 mil supostamente endereçados a Bolsonaro. A PF também pegou uma foto em que o reflexo do rosto do pai de Mauro Cid, conhecido como general Cid, aparece numa escultura negociada nos Estados Unidos (sim, o general tirou uma foto, que foi usada em negociação da escultura, na qual o próprio reflexo aparece na imagem).
  • Já Delgatti disse em depoimento à CPMI (Comissão Parlamentar Mista de Inquérito) que investiga os atos extremistas do 8 de janeiro que Bolsonaro prometeu dar-lhe indulto (um perdão) caso fosse condenado por ações contra as urnas. Bolsonaro também teria dito que pessoas do seu entorno teriam conseguido grampear Alexandre de Moraes. Mais: teria sugerido que Delgatti assumisse a autoria dos grampos.
    • Filho 01 do ex-presidente, o senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ) confirmou que Delgatti e Bolsonaro se reuniram em 2022, no Palácio da Alvorada (residência oficial da Presidência), mas negou as acusações. Disse que o assunto entre os 2 era aprimorar a segurança do sistema eleitoral.

Além disso, será importante acompanhar os desdobramentos das pautas econômicas, como a proposta de LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias), o arcabouço fiscal, na Câmara, e a reforma tributária, no Senado. Aliás, nesta segunda-feira (21), deve ocorrer reunião para tratar do arcabouço fiscal. Ao menos, foi o disse na semana passada o relator da proposta, deputado Claudio Cajado (PP-BA). Ele falou que o seu parecer vai ser debatido por líderes, técnicos e pelo presidente Arthur Lira (PP-AL) 

Na semana passada, ocorreria uma reunião com essa finalidade, que foi cancelada depois de declarações do ministro da Fazenda, Fernando Haddad. Ele disse em entrevista que a Câmara está com “muito poder” e não pode usar esse poder para “humilhar” o Poder Executivo. Depois, ligou para Arthur Lira para explicar o que ocorreu. Disse que sua fala foi “descontextualizada” e que estava falando sobre sistema de governo.

Em seguida, desceu do prédio do Ministério da Fazenda e deu uma entrevista coletiva a jornalistas. Falou que sua crítica ao “excesso de poder” da Câmara foi uma “reflexão” e acrescentou que “tudo” o que tem feito neste ano é dividir os méritos das aprovações do governo com o Congresso e com o Judiciário.

Lembre-se ainda que, na semana passada (14 a 20 de agosto)…

? Energia. Um apagão deixou pontos de 25 estados e do Distrito Federal sem energia elétrica na terça-feira (15). O caso foi normalizado no mesmo dia. O ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, deu uma entrevista coletiva para explicar. Falou que a sobrecarga no Ceará foi uma das causas, mas não se sabe direito o motivo da sobrecarga.

  • Silveira disse que um “evento” em outro estado também teria causado o problema. Esse “evento” ainda é desconhecido. Falou ainda que pediria apuração da PF (Polícia Federal) e da Abin (Agência Brasileira de Inteligência). Políticos de oposição criticaram o ocorrido. 

⛽️ Combustíveis e seguindo… Esses mesmos políticos também criticaram a elevação do preço da gasolina e do diesel pela Petrobras às distribuidoras, que começou a valer a partir de quarta-feira (16). No caso da gasolina, o aumento foi de R$ 0,41, de R$ 2,51 para R$ R$ 2,93 (alta de 16,27%). No caso do diesel, o aumento foi de R$ 0,78, de R$ 3,02 para R$ 3,80 (alta de 25,83%). 

  • Leia outras notícias recentes do Correio Sabiá:

Vale sempre lembrar que você pode e deve seguir o Correio Sabiá, @correiosabia, em todas as redes sociais: combatemos a desinformação, porque achamos que uma sociedade bem informada toma decisões melhores.

leia mais