Agenda (10 a 16.abr): previsão das notícias desta semana

Agenda (10 a 16.abr): previsão das notícias desta semana

Agenda (10 a 16.abr): previsibilidade ao noticiário destes dias

Correio Sabiá faz atualizações diárias nesta reportagem para dar previsibilidade ao noticiário
Agenda da Semana do Correio Sabiá dá mais previsibilidade ao noticiário porque lista os principais eventos políticos e econômicos / Foto: Daria Shevtsova/Unsplash
Agenda da Semana do Correio Sabiá dá mais previsibilidade ao noticiário porque lista os principais eventos políticos e econômicos / Foto: Daria Shevtsova/Unsplash

A Agenda da Semana é uma iniciativa do Correio Sabiá para facilitar o entendimento e dar mais previsibilidade ao noticiário. Se esquecermos algo, avise aqui: redacao@correiosabia.com.br. 

Assobio: esta Agenda da Semana foi publicada originalmente no dia 9 de abril de 2023, às 13h, mas recebeu atualizações para te manter bem informada/o. Manteremos a Agenda na home page deste site ao longo da semana. A cada atualização, informaremos na seção Papa-léguas. Isso garante que a informação chegue a você mais rapidamente.

? Assuntos para manter no radar nesta semana:

  • 100 dias de governo Lula. Deve haver uma série de anúncios e apresentações de resultados.
  • Congresso. Disputas políticas entre Câmara e Senado por causa da tramitação de MPs (medidas provisórias). Publicamos uma reportagem que conta tudo sobre essa disputa e que recebe atualizações constantes, como todos os nossos conteúdos.
  • Arcabouço fiscal. O texto que vai substituir a regra do teto de gastos, se aprovado pelo Poder Legislativo, deve ser formalmente enviado ao Congresso. Publicamos uma reportagem com atualizações constantes que conta tudo o que você precisa saber sobre esse assunto.
  • Impostos. Continuam as discussões sobre a reforma tributária.
  • Banco Central. Como mostramos em curadorias de notícias anteriores, acabaram os mandatos dos diretos do Banco Central de Política Monetária e Fiscalização. Ainda não houve a confirmação dos novos indicados. É relevante monitorar.

?️ Veja abaixo a Agenda da Semana

Segunda-feira (10):

  • 100 dias do governo Lula. Provável apresentação de resultados.
  • Lula. Eis a lista completa de compromissos:
    • 9h: Ministro da Secretaria-Geral, Márcio Macêdo, Ministro da Secretaria de Relações Institucionais, Alexandre Padilha, e Ministro da Secretaria de Comunicação Social, Paulo Pimenta
    • 10h: Reunião ministerial dos 100 dias de governo
    • 15h: Presidente da Embraer, Francisco Gomes Neto
  • Boletim Focus. Divulgação do Boletim Focus pelo Banco Central, com as expectativas do mercado sobre os principais indicadores econômicos do país. 
  • Estados Unidos. Divulgação dos níveis de estoques do atacado de fevereiro.
  • Ásia. Divulgação da inflação de março na China.

Terça-feira (11):

  • Inflação. Divulgação do IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) de março, a inflação oficial do país.
  • Judiciário. Aposentadoria do ministro Ricardo Lewandowski, do STF (Supremo Tribunal Federal).
  • Lula. Eis a lista completa de compromissos:
    • 7h: Partida para Lisboa. Destino final dessa viagem é a China
    • 19h40: Chegada a Lisboa (horário local)
    • 21h40: Partida para Abu Dhabi (Emirados Árabes)
  • Congresso. A partir das 14h30, instalação de comissões mistas (formadas por senadores e deputados federais) para analisar 4 medidas provisórias. São elas: 1.154/2023, 1.160/2023, 1.162/2023 e 1.164/2023.
  • Defesa. Às 9h, o ministro da Defesa, José Mucio Monteiro, e os comandantes das Forças Armadas participam da cerimônia de abertura da 13ª edição da Laad Defence & Security (LAAD 2023), considerada a maior feira de Defesa e Segurança da América Latina. A exposição ocorre até o dia 14 de abril, no Riocentro (RJ). É uma oportunidade de negócios, parcerias e acordos para o desenvolvimento do setor. O evento recebe comitivas de 70 países.
  • Segurança Pública. O ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, participa de audiência na Comissão de Segurança Pública, presidida pelo deputado Sanderson (PL-RS).

Quarta-feira (12):

  • Lula. Eis a lista completa de compromissos:
    • 7h40: Chegada a Abu Dhabi (horário local)
    • 9h40: Partida para Xangai (China)
    • 21h30: Chegada a Xangai (horário local)
  • Alckmin. Às 9h, o vice-presidente Geraldo Alckmin (PSB), que é o presidente da República em exercício por causa da viagem de Lula à China, participa da abertura do Abdib Fórum 2023 – Avanços na Infraestrutura e Reindustrialização, realizado pela Abdib (Associação Brasileira da Infraestrutura e Indústrias de Base). O evento deve ter a presença do ministro da Casa Civil, Rui Costa; do ministro do STF, Gilmar Mendes; do presidente do TCU, Bruno Dantas; e de uma série de autoridades e empresários. Os temas dos painéis incluem a segurança jurídica na Infraestrutura, o esforço pela reindustrialização do país e as discussões setoriais sobre Transporte e Logística, Transição Energética, Saneamento e Coleta de Resíduos Sólidos e o avanço da infraestrutura social no país.
  • Segurança Pública. O ministro dos Direitos Humanos e da Cidadania, Silvio Almeida, participa de audiência na Comissão de Segurança Pública, presidida pelo deputado Sanderson (PL-RS).
  • Varejo. Divulgação dos resultados de vendas do varejo.
  • Estados Unidos. Divulgação do CPI (Índice de Preços ao Consumidor, na sigla em inglês), a inflação oficial norte-americana.
  • + Estados Unidos. Divulgação da ata da última reunião Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês), que definiu aumento na taxa básica de juros norte-americana em 25 pontos-base, para o intervalo de 4,75% a 5%.
  • Europa. Divulgação da inflação oficial na Alemanha.

Quinta-feira (13):

  • Lula. Eis a lista completa de compromissos, em Xangai (*horário local em relação a Brasília é de +11h):
    • 10h40: Reunião com a Presidência do NDB (Novo Banco de Desenvolvimento)
    • 11h15: Cerimônia alusiva à posse da presidente do Novo Banco de Desenvolvimento (NBD), Dilma Rousseff
    • 12h15: Almoço oferecido pela presidente do NBD, Dilma Rousseff
    • 14h20: Visita ao Centro de Pesquisa e Desenvolvimento da Huawei
    • 16h: Audiência com o CEO da BYD, Wang Chuanfu
    • 17h30: Audiência com o Presidente do Conselho da China Communications Construction Company (CCCC), Wang Tongzhou
    • 18h30: Audiência com o Secretário-Geral do Partido Comunista em Xangai, Chen Jining
    • 19h: Jantar oferecido pelo Secretário-Geral do Partido Comunista em Xangai, Chen Jining
    • 21h: Partida para Pequim
    • 22h30: Chegada a Pequim
  • Estados Unidos. Divulgação da inflação ao produtor em março.
  • Europa. Divulgação de dados da indústria no Reino Unido.

Sexta-feira (14):

  • Lula. Eis a lista completa de compromissos:
    • 9h30: Audiência com o Presidente da State Grid, Zhang Zhigang (horário local: +11h)
    • 11h: Encontro com o Presidente da Assembleia Popular Nacional da China, Zhao Leji
    • 11h45: Cerimônia de aposição de coroa de flores no Monumento aos Heróis do Povo
    • 12h30: Encontro com representantes da Federação de Sindicatos de Toda a China
    • 15h30: Encontro com o Primeiro-Ministro da República Popular da China, Li Qiang
    • 16h30: Cerimônia oficial de chegada
    • 16h45: Encontro ampliado com o Presidente da República Popular da China, Xi Jinping
    • 17h30: Encontro restrito com o Presidente da República Popular da China, Xi Jinping
    • 17h45: Cerimônia de Assinatura de Atos
    • 18h: Jantar oferecido pelo Presidente da República Popular da China, Xi Jinping, e pela Professora Peng Liyuan
    • 19h40: Declaração à imprensa
  • Congresso. O governo federal entrega o projeto de LDO (Lei das Diretrizes Orçamentárias). O texto estabelece metas e prioridades do governo federal para 2024. Seguirá “as regras estabelecidas pelo teto de gastos em vigor, mas deve trazer projeções sobre o impacto do novo arcabouço fiscal nas contas públicas”, diz a reportagem da Agência Senado.
  • Estados Unidos. Divulgação das vendas do varejo e da produção industrial, referentes a março.

Sábado (15):

  • Lula. Eis a lista completa de compromissos:
    • 9h: Partida para Abu Dhabi
    • 14h15: Chegada a Abu Dhabi (horário local: +7h em relação ao horário oficial de Brasília)
    • 17h45: Cerimônia Oficial de Chegada
    • 18h05: Reunião com o Presidente dos Emirados Árabes Unidos e Emir de Abu Dhabi, Xeique Mohammed bin Zayed Al Nahyan
    • 18h45: Iftar oferecido pelo Presidente dos Emirados Árabes Unidos e Emir de Abu Dhabi, Xeique Mohammed bin Zayed Al Nahyan, em homenagem ao Presidente Lula e à Senhora Janja Lula da Silva
    • 20h45: Declaração à imprensa

Domingo (16):

  • Lula. Eis a lista completa de compromissos:
    • 9h: Partida para Lisboa (horário local)
    • 14h20: Chegada a Lisboa (horário local)
    • 16h40: Partida para Brasília
    • 21h20: Chegada a Brasília
Agenda da Semana do Correio Sabiá funciona com atualizações diárias para dar previsibilidade ao noticiário / Foto: Nolan Issac/Unsplash
Recomendamos aproveitar a Agenda da Semana e todo o conteúdo do Sabiá na boa companhia de um café / Foto: Nolan Issac/Unsplash

Sobre a Agenda da Semana do Correio Sabiá:

Na Agenda da Semana, a equipe do Correio Sabiá separa os eventos políticos e econômicos mais relevantes por dia e, quando possível, informa horário e local onde cada evento ocorrerá.

Toda vez que mencionamos um PL (projeto de lei) ou outro ato normativo, por princípio editorial, damos o link. Assim você pode ver na íntegra do que se trata, se for do seu interesse.

O Correio Sabiá também sempre dá o link para outros veículos jornalísticos, quando é o caso de dar os créditos sobre determinada informação. Você pode checar nossas Políticas Editoriais e outros códigos internos na seção Quem Somos deste site.

Por fim, como forma de tornar nosso Jornalismo mais participativo, convidamos você a nos dizer se esquecermos de algum evento relevante na Agenda da Semana. Caso tenhamos esquecido, basta entrar em contato: redacao@correiosabia.com.br.

  • Leia outras notícias recentes do Correio Sabiá:

Vale sempre lembrar que você pode e deve seguir o Correio Sabiá, @correiosabia, em todas as redes sociais: combatemos a desinformação, porque achamos que uma sociedade bem informada toma decisões melhores.

leia mais