Agenda (27.fev a 5.mar): o que acompanhar no noticiário

Agenda (27.fev a 5.mar): o que acompanhar no noticiário

Agenda da Semana (27.fev a 5.mar): o que acompanhar no noticiário

Continuam os desdobramentos das chuvas em São Paulo e da estiagem no Rio Grande do Sul
Agenda da Semana do Correio Sabiá reúne, em lista, os principais acontecimentos previstos na política e economia / Foto: Jonas Leupe/Unsplash
Agenda da Semana do Correio Sabiá reúne, em lista, os principais acontecimentos previstos na política e economia / Foto: Jonas Leupe/Unsplash

A Agenda da Semana é uma iniciativa do Correio Sabiá para facilitar o entendimento e dar mais previsibilidade ao noticiário. Se esquecermos algo, avise aqui: redacao@correiosabia.com.br. 

Para manter no radar:

  • Restabelecimento (ou não) dos impostos federais sobre gasolina e etanol, cuja isenção vale até terça-feira (28)
  • Fim do mandato do diretor de Política Monetária do Banco Central, Bruno Serra, e as possíveis indicações para seu lugar. No dia 28 de fevereiro, também encerra o mandato do diretor de Fiscalização do Banco Central, Paulo Souza.
  • Discussões sobre a reforma tributária, incluindo declarações de integrantes da equipe econômica

*A publicação original desta Agenda da Semana ocorreu no dia 26 de fevereiro de 2023, às 9h30, mas fizemos atualizações para te deixar mais bem informado/a.

Veja abaixo a Agenda da Semana:

Segunda-feira (27):

  • Lula. Eis a lista completa de compromissos:
    • 9h: Ministro da Secretaria de Comunicação Social, Paulo Pimenta, Secretário de Imprensa da Secom (Secretaria Especial de Comunicação Social), José Chrispiniano, Secretário de Produção e Divulgação de Conteúdo Audiovisual da Secom, Ricardo Stuckert, e o Assessor Especial do Ministro da Secom, José Rezende de Almeida Júnior
    • 9h30: Advogado-Geral da União, Jorge Messias
    • 10h: Ministro da Casa Civil, Rui Costa, Ministro da Fazenda, Fernando Haddad, e Presidente da Petrobras, Jean Paul Prates
    • 11h30: Ministra da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos, Esther Dweck
    • 15h: Ato de lançamento da Mobilização Nacional pela Vacinação, no Centro de Saúde nº 01. QE 06, em Brasília (DF). A iniciativa prevê ações para ampliar as coberturas de todas as vacinas disponíveis no SUS (Sistema Único de Saúde). Nesta 1ª etapa, a imunização contra a covid-19 terá reforço para os grupos prioritários em todo o país. 
    • 16h: Ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços, Vice-Presidente da República Geraldo Alckmin
    • 17h: Governador do Pará, Helder Barbalho, e o senador Jader Barbalho
  • Imposto de Renda 2023. Às 10h, a Receita Federal informa as novas regras do Imposto de Renda 2023, cujo prazo de entrega começa no dia 15 de março.
  • Boletim Focus. Divulgação do Boletim Focus pelo Banco Central, com as expectativas do mercado sobre os principais indicadores econômicos do país. 
  • Saúde. O Ministério da Saúde divulgou no dia 31 de janeiro de 2023 o cronograma do Programa Nacional de Vacinação 2023. As ações devem começar a partir deste 27 de fevereiro, com a vacinação com doses de reforço bivalentes contra a covid-19 em pessoas com maior risco de desenvolver formas graves da doença, como idosos acima de 60 anos e pessoas com deficiência.
  • ONU. Começa a 52ª sessão do Conselho de Direitos Humanos da ONU (Organização das Nações Unidas). Às 15h (horário de Genebra), o ministro dos Direitos Humanos e da Cidadania, Silvio Almeida, fará sua intervenção no Segmento de Alto Nível. A fala será transmitida pela ONU por meio deste link.
  • Alckmin. Enviado especial dos Estados Unidos para o Clima, John Kerry é recebido no Palácio Itamaraty, sede das Relações Exteriores do Brasil, pelo vice-presidente Geraldo Alckmin (PSB). Pelo Brasil, participam do encontro a ministra do Meio Ambiente e Mudança do Clima, Marina Silva; a ministra, substituta, das Relações Exteriores, Maria Laura da Rocha; o presidente do BNDES, Aloizio Mercadante; e demais autoridades governamentais. Pelos EUA, participam a Embaixadora Elizabeth Bagley e a comitiva de altos funcionários. O ministro da Agricultura e Pecuária, Carlos Fávaro, bem como o assessor-chefe da Assessoria Especial da Presidência da República, Embaixador Celso Amorim, juntam-se à delegação brasileira no almoço que se seguiu ao encontro.

Terça-feira (28):

  • Lula. Eis a lista completa de compromissos:
    • 9h: Ministro da Secretaria de Relações Institucionais, Alexandre Padilha, e Ministro da Secretaria de Comunicação Social, Paulo Pimenta
    • 9h30: Ministro da Casa Civil, Rui Costa, Ministro da Fazenda, Fernando Haddad, Ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, e Presidente da Petrobras, Jean Paul Prates. *(Nota: o encontro é importante para definir os termos da reoneração da gasolina e do etanol).
    • 11h: Lula assina decreto que reinstala o Consea (Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional), no Palácio do Planalto, em Brasília (DF), com a presença de ministros, autoridades e representantes da sociedade civil. Na ocasião serão reempossados os conselheiros e a presidente do Consea, Elisabetta Recine, que compunham o conselho quando ele foi desativado, em janeiro de 2019.
    • 15h: Secretário Especial para Assuntos Jurídicos da Casa Civil, Wellington César Lima
    • 16h: Presidente do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), Aloizio Mercadante
    • 17h: Líder do Governo no Congresso Nacional, Senador Randolfe Rodrigues, e os Vice-líderes: Deputado Bohn Gass, Deputado Carlos Zarattini, Deputado Daniel Almeida, Deputado Dorinaldo Malafaia, Deputada Lídice da Mata, Deputado Lindbergh Farias, Deputado Reginaldo Lopes, Deputada Roseana Sarney, Deputado Otto Alencar Filho e Deputada Laura Carneiro
  • Desemprego. Divulgação da Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio) Contínua, do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), que mostra a taxa de desocupação (conhecida como taxa de desemprego), referente a dezembro.
  • Estados Unidos. Enviado especial dos Estados Unidos para o Clima, John Kerry deve encontrar-se com a ministra dos Povos Indígenas, Sônia Guajajara, e novamente com a ministra Marina Silva, acompanhada de equipe do Ministério de Meio Ambiente e Mudança do Clima. Em seguida, às 15h15, Marina Silva concede entrevista coletiva, após reunião de trabalho com Kerry.

Quarta-feira (1º.mar):

  • Lula. Eis a lista completa de compromissos:
    • 9h: Ministro da Secretaria de Relações Institucionais, Alexandre Padilha, Ministro da Secretaria de Comunicação Social, Paulo Pimenta, e o Assessor Especial do Ministro da Secom, José Rezende de Almeida Júnior
    • 9h30: Ministra das Mulheres, Cida Gonçalves
    • 11h: Telefonema com o presidente da República da África do Sul, Cyril Ramaphosa
    • 12h: Telefonema com o presidente do México, Andrés Manuel López Obrador
    • 15h: Ministra da Cultura, Margareth Menezes
    • 16h: Encontro com a CSA (Confederação Sindical de Trabalhadores e Trabalhadoras das Américas)
  • Mulheres. Às 8h30, no Salão Leste do Palácio do Planalto, sede do Poder Executivo, pela 1ª vez, as ministras mulheres do governo Lula estarão reunidas, junto com a primeira-dama Janja Lula da Silva e as duas presidentes dos bancos públicos –Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal– para dar início ao Mês Internacional das Mulheres, já que o Dia Internacional da Mulher é no dia 8 de março. A convite da ministra das Mulheres, Cida Gonçalves, elas farão uma fala sobre a importância da data no contexto do novo governo; de representatividade e investimentos voltados às políticas públicas para as mulheres; e apresentarão a marca da campanha do governo federal para o 8 de Março em um café da manhã com a imprensa. Não haverá coletiva.
  • Setor externo. Divulgação do resultado da balança comercial.
  • Petrobras. A estatal divulga seu balanço.
  • Estados Unidos. Sondagens de manufatura e serviços para fevereiro.

Quinta-feira (2):

  • Lula. Eis a lista completa de compromissos:
    • 9h: Ministro da Secretaria de Relações Institucionais, Alexandre Padilha, e Ministro da Secretaria de Comunicação Social, Paulo Pimenta
    • 9h30: Entrevista ao jornalista Reinaldo Azevedo
    • 11h: Cerimônia no Palácio do Planalto, na qual Lula assina a MP (medida provisória) que define a volta do Bolsa Família. Atualmente, o programa ainda se chama Auxílio Brasil.
    • 16h: Ministra do Esporte, Ana Moser
    • 17h: Ministra do Planejamento e Orçamento, Simone Tebet, e Ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Márcio Macêdo
  • Petrobras. Às 15h, o presidente da Petrobras, Jean Paul Prates, concede entrevista coletiva de imprensa no Auditório 1 do Edifício Senado (Edisen), localizado na Avenida Henrique Valadares, 28, no Centro do Rio de Janeiro (RJ).
  • Justiça. Às 9h, o secretário Nacional do Consumidor, Wadih Damous, encontra jornalistas para a abertura do encontro do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor e, às 10, dá coletiva de imprensa sobre o evento e as ações da Senacon (Secretaria Nacional do Consumidor), vinculada ao MJSP (Ministério da Justiça e Segurança Pública). O evento será no térreo do Palácio da Justiça, em Brasília (DF). Até o dia 31 de março, há aberto um mutirão para negociar dívidas com bancos. Saiba mais aqui.
  • Comunicações. Reunião entre os ministros das Comunicações de Brasil e Israel países. A agenda oficial incluiu visita à Juganu e à Israel Aerospace Industries (IAI).
  • ONU. Às 16h (horário de Genebra), o ministro dos Direitos Humanos e da Cidadania, Silvio Almeida, participa de press conference na sede da Missão Permanente do Brasil junto à ONU e demais Organismos Internacionais em Genebra.
  • PIB. Divulgação do PIB (Produto Interno Bruto) do 4º trimestre de 2022. Consequentemente, saberemos também o PIB do ano.
  • Meio Ambiente. Das 9h às 18h, ocorre no auditório do Ibama em Brasília (DF) o Seminário Nacional de Gestão Territorial Rural, evento realizado por um conjunto de entidades de servidores das áreas agrário-fundiária, ambiental, cultural, indígena e patrimonial da União em busca de uma governança fundiário-socioambiental efetiva e integrada. O objetivo é apresentar aos novos gestores dos ministérios e autarquias dessas áreas, do ponto de vista dos servidores, o estado da gestão territorial nacional e dos diversos cadastros e discutir a integração das pastas e das ferramentas relacionadas ao tema. Há transmissão ao vivo pelo YouTube nos canais das entidades promotoras. Programação e inscrições neste link.
  • Europa. Leitura preliminar da inflação ao consumidor da zona do euro de fevereiro.
  • Ásia. Divulgação dos índices PMI de fevereiro da China.

Sexta-feira (3):

  • Lula. Eis a lista completa de compromissos:
    • 9h30: Partida para Rondonópolis (MT), onde vai fazer a entrega das unidades do Residencial Celina Bezerra, do Minha Casa, Minha Vida. O programa foi retomado em fevereiro. Listamos todas as principais medidas do governo Lula 2023 num conteúdo em nosso site que recebe atualizações frequentes. Leia aqui.
    • 9h45: Chegada em Rondonópolis (horário local)
    • 10h30: Visita à unidade habitacional mobiliada do Residencial Celina Bezerra (horário local)
    • 11h: Cerimônia de Entrega de 1440 unidades habitacionais do Programa Minha Casa Minha Vida no Residencial Celina Bezerra, com o Ministro das Cidades, Jader Filho, e a Presidenta do Banco do Brasil, Tarciana Medeiros (horário local)
    • 12h30: Partida para São Paulo (horário local)
  • Bolsa Família. Às 11h, o ministro Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome, Wellington Dias, ao lado de secretários da pasta, fará uma apresentação à imprensa com detalhes sobre a reformulação do Bolsa Família. Serão informados, por exemplo, dados sobre números de entrada e saída do programa.
  • ONU. Último dia da 52ª sessão do Conselho de Direitos Humanos da ONU (Organização das Nações Unidas). Às 12h (horário de Brasília), o ministro dos Direitos Humanos e da Cidadania, Silvio Almeida, tem conferência de imprensa na sede da Missão Permanente do Brasil junto à ONU e demais Organismos Internacionais em Genebra. Irá fazer um balanço sobre a participação do Brasil e sobre os principais assuntos ligados à pasta.
  • Estados Unidos. Sondagens de manufatura e serviços para fevereiro.

Sábado (4):

  • -x-x-x-

Domingo (5):

  • -x-x-x-

Sobre a Agenda da Semana do Correio Sabiá:

Na Agenda da Semana, a equipe do Correio Sabiá separa os eventos políticos e econômicos mais relevantes por dia e, quando possível, informa horário e local onde cada evento ocorrerá.

Toda vez que mencionamos um PL (projeto de lei) ou outro ato normativo, por princípio editorial, damos o link. Assim você pode ver na íntegra do que se trata, se for do seu interesse.

O Correio Sabiá também sempre dá o link para outros veículos jornalísticos, quando é o caso de dar os créditos sobre determinada informação. Você pode checar nossas Políticas Editoriais e outros códigos internos na seção Quem Somos deste site.

Por fim, como forma de tornar nosso Jornalismo mais participativo, convidamos você a nos dizer se esquecermos de algum evento relevante na Agenda da Semana. Caso tenhamos esquecido, basta entrar em contato: redacao@correiosabia.com.br.

leia mais