ūüĆęÔłŹ 15 cidades do mundo com pior qualidade do ar em 2022

ūüĆęÔłŹ 15 cidades do mundo com pior qualidade do ar em 2022
Pesquisa mostrou que países asiáticos têm boa parte das cidades com pior qualidade do ar / Foto: Ivan Aleksic/Unsplash

15 cidades do mundo com pior qualidade do ar em 2022, segundo pesquisa de empresa suíça

Levantamento mostrou que 10 dos 15 munic√≠pios com ar mais polu√≠do est√£o na √ćndia; saiba situa√ß√£o das cidades brasileiras
Pesquisa mostrou que países asiáticos têm boa parte das cidades com pior qualidade do ar / Foto: Ivan Aleksic/Unsplash
Pesquisa mostrou que países asiáticos têm boa parte das cidades com pior qualidade do ar / Foto: Ivan Aleksic/Unsplash

*Por Beatriz Britto e Maurício Ferro

*Assobio: esta reportagem foi publicada originalmente no dia 24 de novembro de 2021, √†s 23h07, com informa√ß√Ķes referentes a 2020. Considerando a alta demanda dos leitores, atualizamos as informa√ß√Ķes com os dados mais recentes, referentes a 2022.

15 cidades do mundo com pior qualidade do ar em 2022

Pa√≠ses asi√°ticos t√™m as cidades com a pior qualidade do ar no mundo, de acordo com estudo realizado em 2022 pela empresa su√≠√ßa de tecnologia de qualidade do ar IQAir. Das 15 cidades que lideram o ranking, 10 est√£o na √ćndia. No entanto, Lahore (Paquist√£o) √© a cidade com ar mais polu√≠do.¬†Em seguida vem Hotan (China), que j√° figurou no topo da lista.

  • Clique aqui para ver a tabela completa, com mais de 100 pa√≠ses

Veja abaixo a lista das 15 cidades do mundo com pior qualidade do ar em 2022:

  1. ?? Lahore (Paquist√£o): 97,4
  2. ?? Hotan (China): 94,3
  3. ?? Bhiwadi (√ćndia): 92,7
  4. ?? D√©lhi (√ćndia): 92,6
  5. ?? Peshawar (Paquist√£o): 91,8
  6. ?? Darbhanga (√ćndia): 90,3
  7. ?? Asopur (√ćndia): 90,2
  8. ?? N’Djamena (Chade): 89,7
  9. ?? Nova D√©lhi (√ćndia): 89,1
  10. ?? Patna (√ćndia): 88,9
  11. ?? Ghaziabad (√ćndia): 88,6
  12. ?? Dharuhera (√ćndia): 87,8
  13. ?? Bagd√° (Iraque): 86,7
  14. ?? Chapra (√ćndia): 85,9
  15. ?? Muzaffarnagar (√ćndia): 85,7

Para fazer o cálculo, o estudo mediu a quantidade de partículas inaláveis no ar (classificadas pela sigla PM2.5), que são formadas por gotículas líquidas e partículas sólidas. Elas contêm poeira, fuligem e fumaça.

Part√≠culas PM2.5 t√™m um tamanho microsc√≥pico que facilita a absor√ß√£o profunda na corrente sangu√≠nea ap√≥s a inala√ß√£o e pode causar problemas de sa√ļde como asma, c√Ęncer de pulm√£o e doen√ßas card√≠acas. Ao menos 7 milh√Ķes de mortes prematuras por ano ‚Äďsendo mais de 3 milh√Ķes de crian√ßas‚Äď estariam relacionadas a ela.¬†

Veja abaixo como é a classificação da qualidade do ar, de acordo com o indicador da IQAir:

  • 0 – 10: muito boa
  • 10,1 – 12: boa
  • 12,1 – 35,4: moderada
  • 35,5 – 55,4: prejudicial para grupos sens√≠veis
  • 55,5 – 150,4: prejudicial
  • 150,5 – 250,4: muito prejudicial
  • >250,4: extremamente prejudicial

15 cidades do mundo com pior qualidade do ar em 2020

No mesmo estudo realizado em 2020, feito pela mesmo empresa su√≠√ßa IQAir, todas as 15 cidades com pior qualidade do ar estavam na √ćndia (13) ou na China (2). Naquela ocasi√£o, Hotan (China) era a cidade com pior qualidade do ar do mundo.¬†

Lembrando da classificação da qualidade do ar mencionada acima, veja abaixo a classificação das 15 cidades onde havia mais poluição do ar em 2020:

  1. Hotan (China): 110,2
  2. Ghaziabad (√ćndia): 106,6
  3. Bulandshahr (√ćndia): 98,4
  4. Bisrakh Jalalpur (√ćndia): 96
  5. Bhiwad (√ćndia): 95,5
  6. Noida (√ćndia): 94,3
  7. Grande Noida (√ćndia): 89,5
  8. Kanpur (√ćndia): 89,1
  9. Lucnau (√ćndia): 86,2
  10. Nova D√©lhi (√ćndia): 84,1
  11. Faridabad (√ćndia): 83,3
  12. Meerut (√ćndia): 82,3
  13. Jind (√ćndia): 81,6
  14. Hisar (√ćndia): 81,1
  15. Kashgar (China): 81  

Os n√ļmeros acima s√£o uma m√©dia anual. A IQAir mediu a qualidade do ar em todos os meses, em cada uma das cidades. Depois, chegou aos dados acima. Nova D√©lhi √© a capital mais polu√≠da do mundo.

Veja abaixo quais eram as 15 capitais com o ar mais poluído no mundo em 2020:

As 15 capitais com os maiores √≠ndices s√£o:  

  1. Nova D√©lhi (√ćndia): 84,1
  2. Dhaka (Bangladesh): 77,1
  3. Ulan Bator (Mongólia): 46,6
  4. Cabul (Afeganist√£o): 46,5
  5. Doha (Catar): 44,3
  6. Bishkek (Quirguist√£o): 43,5
  7. Sarajevo (Bósnia e Herzegovina): 42,5
  8. Manama (Bahrein): 39,7
  9. Jacarta (Indonésia): 39,6
  10. Kathmandu (Nepal): 39,2
  11. Islamabad (Paquist√£o): 39
  12. Hanói (Vietnã): 37,9
  13. Bamako (Mali): 37,9
  14. Pequim (China): 37,5
  15. Cidade do Kuwait (Kuwait): 34,0
Empresa suíca mediu a qualidade do ar a partir da quantidade de partículas inaláveis / Foto: Amir Hosseini/Unsplash
Empresa suíça mediu a qualidade do ar a partir da quantidade de partículas inaláveis / Foto: Amir Hosseini/Unsplash

Qualidade do ar no Brasil e na América Latina em 2020

Entre as cidades brasileiras, o munic√≠pio de Brasil√©ia, no Acre, teve a pior m√©dia de qualidade do ar (18,6) em 2020, de acordo com a IQAir. √Č a 22¬™ cidade com ar mais polu√≠do da Am√©rica do Sul. 

Entre as 15 cidades com ar mais polu√≠do na Am√©rica do Sul, 12 est√£o no Chile e 3 est√£o na Col√īmbia. Santiago (Chile) √© a capital sul-americana que teve o ar mais polu√≠do em 2020, com m√©dia 23,6 (moderado).

A cidade de Coyaique (Chile) foi a mais polu√≠da de 2020, com m√©dia 33,3. Isso quer dizer que nenhum munic√≠pio da Am√©rica do Sul tem classifica√ß√£o acima de ‚Äúmoderado‚ÄĚ para a qualidade do ar.

A quantidade de munic√≠pios chilenos no ranking dos mais polu√≠dos do IQAir se explica, em parte, pela quantidade de monitores que existem neste pa√≠s ‚Äď2¬ļ maior n√ļmero da Am√©rica Latina, atr√°s apenas do M√©xico ‚Äďainda de acordo com o IQAir.

Guatemala, Honduras e Argentina carecem de monitoramento do governo. As esta√ß√Ķes nesses pa√≠ses s√£o operadas por organiza√ß√Ķes locais e por indiv√≠duos, segundo o IQAir.

A empresa su√≠√ßa tamb√©m afirma que o Brasil ‚Äúpermanece limitado‚ÄĚ a monitores em S√£o Paulo e no Acre. Por isso, as cidades brasileiras cuja qualidade do ar foi pesquisada est√£o todas nesses 2 estados.

Veja abaixo 15 os municípios brasileiros com a pior média de qualidade do ar em 2020, de acordo com o estudo do IQAir:

  1. Brasiléia (AC): 18,6
  2. Rio Claro (SP): 17,8
  3. Osasco (SP): 16,7
  4. São José do Rio Preto (SP): 16,6
  5. Guarulhos (SP): 16,4
  6. Manoel Urbano (AC): 15,9
  7. Santa Gertrudes (SP): 15,9
  8. S√£o Bernardo do Campo (SP): 15,9
  9. Pl√°cido de Castro (AC): 15,6
  10. Sena Madureira (AC): 15,6
  11. S√£o Caetano do Sul (SP): 15
  12. Rio Branco (AC): 14,7
  13. Feijó (AC): 14,2
  14. S√£o Paulo (SP): 14,2
  15. Jundiaí (SP): 14

Monitoramento da qualidade do ar no Brasil

Por outro lado, dados do Iema (Instituto de Energia e Meio Ambiente), institui√ß√£o sem fins lucrativos sediada em S√£o Paulo, mostram que 10 estados brasileiros e Distrito Federal t√™m redes de monitoramento da qualidade do ar. Destes, apenas Rio de Janeiro, S√£o Paulo e Minas Gerais t√™m cobertura adequada. 

Veja abaixo a quantidade de esta√ß√Ķes em cada um desses 3 estados com cobertura adequada para monitorar a qualidade do ar, de acordo com o Iema: 

  • Rio de Janeiro: 125; 
  • S√£o Paulo: 76;
  • Minas Gerais: 50

Todos os outros e o Distrito Federal t√™m menos de 10 esta√ß√Ķes de monitoramento da qualidade do ar, segundo o Iema. 

Em geral, no Brasil, as instala√ß√Ķes de monitoramento ocorrem em √°reas urbanas ou nas proximidades de grandes fontes industriais de emiss√Ķes de poluentes, onde mais pessoas potencialmente afetadas pela polui√ß√£o. No entanto, faltam esta√ß√Ķes em locais que sofrem com queimadas, como na regi√£o Norte.

leia mais

O que é 'industrialização verde'?

O que é 'industrialização verde'?

A industrializa√ß√£o verde √© um conceito relacionado a tornar mais verdes (mais sustent√°veis) os processos industriais, adequando os setores produtivos √† emerg√™ncia clim√°tica. O termo anda junto com as mudan√ßas clim√°ticas, que tornam emergencial agir logo para tornar os processos produtivos mais sustent√°veis. A descarboniza√ß√£o da ind√ļstria, reduzindo a emiss√£o

por Maurício Ferro